junho 12, 2017 Por Haras Vista Verde

Ansiosos para a chegada de julho e dos potrinhos

A sorte ajudou este ano, as chuvas e o calor se estenderam, com isto as pastagens voltaram de forma brilhante e estamos, como todo ano, preparados para receber os potrinhos da Geração 2017. Geração cujo nome se inicia com a letra “B”, e que começa a chegar no Vista Verde a partir do início de agosto.

No Vista Verde temos setores de cria, de recria de reprodução integrados, mas bem divididos para um manejo cuidadoso de cada categoria.

pastosIMG_6394

Todo este trabalho é assessorado pelo Engenheiro Agrônomo Dr. Ricardo Muradas, que nos visita todos os meses e imprime suas determinações de manejo em cada pasto do Haras.

É desta forma que conseguimos planejar da melhor forma as pastagens e a parte nutricional de cada categoria de animais.

pastosIMG_6395

As égua paridas, tem pastos reservados e selecionados, para que possam fornecer leite de primeira qualidade a seus recém nascidos e ciclar de modo a emprenhar para a próxima temporada.

Infelizmente há potrinhos que nascem em março e são registrados como nascidos em julho. Veja no próximo post, como funciona este “jeitinho brasileiro”, que penaliza os sérios e beneficia quem usa a “Lei de Gerson”.

Postado em: Artigos
Marcado com: ,
junho 12, 2017 Por Haras Vista Verde

Vamos ser BRASILIANOS, chega do “jeitinho brasileiro”

Há alguns dias, escutei uma palestra, e o palestrante falou algo que nos marcou, pois é exatamente como nos sentimos com toda esta situação que acontece no Brasil.

Ele afirmava que era BRASILIANO e não brasileiro, e eu passei a me considerar BRASILIANO também. BRASILIANO é que pertence, como Italiano, Americano, Baiano, Paulistano, etc. Eu pertenço ao Brasil, ao Brasil que queremos, não o que vivemos.

O Brasileiro, é como fomos chamados pelos Portugueses que nos descobrimos. Como a corte portuguesa, não tinha intenção de permanecer por muito no Brasil, fazia tudo do “Jeito Brasileiro”, daí criando nosso triste e famoso “jeitinho brasileiro”, traduzindo em miúdos, tudo feito “nas coxas”, sem planejamento.

Por isso me afirmo BRASILIANO, pois fazemos tudo com carinho e dedicação, sem ostentação, e sem grandes custos, pois é nosso modo de viver. Mas tudo com muita seriedade.

Seriedade esta que nos fez levantar a “BANDEIRA DO DRUGS FREE”, que muitos foram contra, mas conseguimos com muita “luta”, mostrar que nosso cavalo tem que viver sem drogas, como nossa família. Que no DRUGS FREE é mais barato, que atrai mais gente, que beneficia a genética, a boa criação, que dá longevidade ao cavalo. Uma dura batalha, onde todos hoje comemoram, Criamos alguns inimigos, mas valeu a pena.

Agora, como BRASILIANOS, vamos a mais “duas batalhas”:

  • Ao fim da inadimplência no Jockey Clube de Sorocaba e
  • A do registro dos animais nas datas corretas de seu nascimento.

O fim da inadimplência privilegia a entidade! Faz valer a lei: “só corre quem está em dia”, acaba como “jeitinho brasileiro”. Não é justo um devedor correr contra quem não deve.

Não é justo o Jockey levar a fama de mal pagador, porque não recebe de alguns para pagar os credores. Se for cumprido a lei das chamadas feitas pelo Jockey que diz, “somente serão aceitas inscrições de proprietários e profissionais em dia com a entidade”, acabamos com o “jeitinho brasileiro” e criamos uma sociedade de BRASILIANOS, sem ninguém levar vantagem e teremos um Jockey Clube sadio, saudável e muito mais respeitado.

Mudando de assunto, outra de nossas bandeiras é acabar com o “jeitinho brasileiro” das datas de nascimento. Esta batalha é difícil, complicada de se fazer respeitar, pois depende de cultura, a cultura de “não querer levar vantagem”, a famosa “Lei de Gerson” brasileira.

De acordo com a Associação Brasileira do Cavalo Quarto de Milha, o ano hípico inicia em 01 de julho.

Isto quer dizer, que animais são “enturmados” nas competições, por suas idades hípicas, então um animal que nasce em julho, compete com outro que nasceu em outubro, por exemplo, na mesma categoria, pois fazem parte da mesma geração.

Chama-se de animal “bem nascido” aquele que nasce o mais próximo possível de 01 de julho, pois em 01 de julho do outro ano, ele fará um ano hípico, bem próximo do seu aniversário real.

Outro nascido em outubro, fará um ano hípico, também no 01 de julho do próximo ano, mas enquanto o primeiro tem quase 12 meses ao completar um ano hípico, e o nascido em outubro, terá próximo de 9 meses.

O que todos os “brasilianos” sabem, é que tem muito criador brasileiro, registrando o seu potro que nasce em abril ou maio como nascido em julho, fazendo a “Lei de Gerson” brasileira. Este potro, quando chegar em 01 de julho do próximo ano, terá na verdade 15 meses completo, e competirá com aquele nascido em outubro de 9 meses. Injustiça total, concorda?

O justo é o justo, NÃO TEM “MEIA GRÁVIDA”, e nós queremos uma competição justa, temos que lutar a favor das datas de nascimento JUSTAS.

Ninguém é contra, por exemplo, um potrinho que adianta o parto e nasce em fim de junho, e é registrado como julho, o que não se pode permitir é nascimentos de MARÇO, ABRIL, MAIO e JUNHO, com registro em julho.

Te convido para mais esta luta, a favor da competição justa e honesta, venha com o Vista Verde a favor do DRUGS FREE – turfe livre das drogas, do SÓ CORRE QUEM TÁ EM DIA, e do REGISTRO NA DATA CORRETA!

Postado em: Artigos
Marcado com: , , , ,
junho 10, 2017 Por Haras Vista Verde

Fim de semana no paraíso

Acredito que o outono é o período com a iluminação mais linda do ano… No Vista Verde é como estar no paraíso.

paraisoIMG_6361

Nesta época ainda que estamos há 20 dias das éguas começarem a criar, tudo fica mais bonito.

paraisoIMG_6366

Passear a cavalo em meio aos piquetes e olhar os animais é um presente de D’us.

paraisoIMG_6355

Nosso SCOTT VERDE – AAAT 103, é nosso parceiro de passeio, pelas ruas do Haras.

Postado em: Artigos
Marcado com:
maio 27, 2017 Por Haras Vista Verde

Animais a venda pelo Haras Vista Verde

No site do Haras Vista Verde tem uma seção: Animais à venda. Clicando lá, tem: Vendas Diretas e Vendas em Leilão.

Nas Vendas diretas temos sempre os animais disponíveis para venda.

Quem são animais disponíveis para venda?

Ou são potros, que produzimos para disputarem as corridas, portanto lá aparecem os potros da geração 2015, sem doma, para correrem em 2018, ou colocamos animais que já estão em doma, ou em corrida, que disponibilizamos a venda depois de cumprirem o que deveriam cumprir para o Haras ou para o STUD DOS AMIGOS, ou são matrizes, fêmeas que dispomos a criadores, pois temos um limite máximo de 28 éguas em nosso plantel. Não podemos passar deste número, portanto estaremos sempre disponibilizando fêmeas para venda.

No momento temos os seguintes animais a disposição dos interessados:

GERAÇÃO 2015:

De ano e meio que não estão domados, temos 4 potros.

  • ZAZOU VISTA – femea – Jess Louisiana Blue x Shootin The Curl, por First Down Dash – R$ 40.000.
  • ZUMA VISTA – femea – Get Down Perry x Athigtasset, por First Down Dash – R$ 45.000.
  • ZION VERDE – macho – Get Down Perry x Hawk Had It, por Hakison – R$ 60.000
  • PRESTON FIELDS – fêmea – No Secrets Here x Dean Dean Pride, por Dean Miracle – R$ 40.000.

GERAÇÃO 2014:

Temos a venda:

  • YORK VERDE – Filho de GET DOWN PERRY e sua mãe é FANCIE FIRE, importada por WALK THRU FIRE. Pronto para correr CASTRADO - R$ 25.000.
  • YOUTUBE VERDE – Get Down Perry x Shootin The Curl por First Down Dash – SO RECOMENDADO PARA REPRODUÇÃO - R$ 38.000.

GEERAÇÃO 2013 – PARA REPRODUÇÃO

  • GOLD SHIMNING JESS – FÊMEA PARA REPRODUÇÃO – 07/09/2013 – R$ 35.000

Se interessou? Aqui vão alguns comentários de cada um deles:

ZAZOU VISTA

ZAZOU VISTA

 

ZAZOU VISTA e ZUMA VISTA são duas potranca para correr ano que vem, pré-inscritas no Gran Prix do Jockey clube de Sorocaba e no Challenge da AQHA, além disso participam do BÔNUS VISTA VERDE, que dá R$ 100.000,00 ao proprietário e um carro ZERO ao Treiandor, se ganhar o GP Torneio Início. Este ano o BÔNUS saiu para o STUD DOS AMIGOS que ganhou os R$ 100.000,00 e ao BOCHECHA treinador, que ganhou o carro, quando YANKEE VERDE, também de criação do Haras Vista Verde ganhou o GP Torneio Início deste ano. Aliás, foi uma trifrta VISTA VERDE no GP Torneio In;icio com YANKEE VERDE vencendo, YELLOW VERDE em segundo e YOYO VERDE em terceiro.

ZAZOU VISTA é filha do JESS LOUISIANA BLUE, produtor de ganhadores de mais de 14 milhões de dólares na SHOOTIN THE CURL uma égua comprada potranca para fazer campanha nos Estados Unidos e em seguida importada pelo Haras Vista Verde, porque a mãe dela é irmã materna de RUNAWAY WAVE, melhor reprodutora de Corrida em todos os tempos tendo produzido mais de U$3.800.000,00, com destaque para: OCEAN RUNAWAY, AAAT-105, Champion Two-Year-Old, Champion Two-Year-Old Colt, Champion Three-Year-Old Colt, 10 vitórias e U$1.642.498,00 em prêmios; WAVE CARVER, AAAT-104, World Champion, Champion Three-Year-Old, Champion Three-Year-Old Colt, 11 vitórias e U$1.005.946,00 em prêmios, TRISK, AAAT-102, U$254.233,00, (G1); AQUAFINA, AAA-99, U$188.336,00; SIR RUNAWAY DASH, AAA-97, U$120.706,00; LITTLE SURFER, AAAT-104, U$102.749,00. Além disso ela é filha do número 1 do mundo FIRST DOWN DASH.

ZAZOU VISTA é irmã materna de XOOTIN VERDE AAA 97 – Ganhador em Sorocaba.

ZUMA VISTA, é filha da sensação do ano GET DOWN PERRY, pai de YELLOW VERDE AAAT, numa égua também importada filha de FIRST DOWN DASH, Irmã própria de A RANSOM, AAAT-104, World Champion, Champion Aged Horse, Champion Aged Gelding, 21 vitórias em 33 atuações e U$1.079.556,00 em prêmios.

ZUMA VISTA

ZUMA VISTA

ZION VERDE, também está pré-isncrito no Gran Prix, no Challenge e no BONUS VISTA VERDE e também é filho de GET DOWN PERRY, Importado. Por Mr Jess Perry. AAA-97. U$159.677,00 em prêmios, na égua HAWK HAD IT (Hawkish): Importada. AAAT-101. 3 vitórias, 8 2ºs e 2 3ºs até 3 anos. U$ 40.426,00 em prêmios. Mesma linhagem materna do espetacular atleta e reprodutor GOOD REASON SA.

ZION VERDE

ZION VERDE

PRESTON FIELDS é uma potranca filha do atual líder das estatísticas do Jockey Clube de Sorocaba 2017: NO SECRETS HERE: Importado. Por First Down Dash. AAAT-104. Ganhador Clássico com 6 vitórias, U$ 1.637.095,00 em prêmios, 1º All American Futurity (G1), pai de YANKEE VERDE AAAT. Ela também está, pré-inscrita no Gran Prix e no Challenge. Sua mãe é filha de FOR A MILLION (Holland Ease): AAA-97. 4 vitórias, 2 2ºs e 1 3º em 9 atuações. 1º no GP Torneio Início/00,1º GP São Paulo/00, 1º GP Potro de Ouro/00, 2º GP Brasil/00 em Sorocaba, etc. R$51.000,00 em prêmios.

PRESTON FIELDS

PRESTON FIELDS

Da Geração 2014 temo o potro CASTRADO – YORK VERDE  a venda. Em início de doma. Seu dono atual resolveu vender por uma pechincha e o cavalo com mais um mes de treinamento pode competir. É filho de GET DOWN PERRY, inscrito no Grans Prix e no Challenge. Sua mãe é importada filha de WALK THRU FIRE, ganhadora de US$ 19.000, Irmã materna do Garanhão SIXARUN, AAAT-106, U$291.228,00 em prêmios, pai de ganhadores de mais de U$8.200.000,00, incluindo o excepcional garanhão TREIS SEIS.

YORK VERDE

YORK VERDE

YOUTUBE VERDE é um potro que se acidentou, machucando a paleta. Hoje não sente nada, nem apresenta nenhum sintoma da lesão. Nossa única preocupação é se ao trabalhar forte venha a sentir, por isso o recomendamos para a Reprodução, embora possa se tentar correr, que é o que faremos se não for vendido. É filho do garanhão da atualidade GET DOWN PERRY, que teve poucos filhos corridos entre eles:

  • YELLOW VERDE. FENÔMENO. Ganhou a classificatória do GP Torneio Início com o melhor tempo entre os 31 corredores. Na final fez segundo por menos que focinho. Único – AAAT do Grande Prêmio. Finalista MEGARACE.
  • GET GOOD LUCK, fez segundo na classificatória do GP Torneio Início, e segundo na classificatória do Super Sprint.
  • NOOKIE, ganhou a classificatória e foi finalista do SUPER SPRINT, com R$ 200.000 em prêmios.

Nos Estados Unidos:

  1. 58 filhos corridos
  2. 34 são ganhadores, ou seja 59%
  3. 11 são stake winners ou stake placed, ou seja 16% de colocação clássica.
  4. 42 tem registro de mérito, ou seja 71%
  5. Média de ganhos de cada filho corrido = US$ 28.133
  6. 7 Ganhadores de mais de US$ 100.000, ou seja 12%

Sua mãe é SHOOTIN THE CURL uma égua comprada potranca para fazer campanha nos Estados Unidos e em seguida importada pelo Haras Vista Verde, porque a mãe dela é irmã materna de RUNAWAY WAVE, melhor reprodutora de Corrida em todos os tempos tendo produzido mais de U$3.800.000,00, com destaque para: OCEAN RUNAWAY, AAAT-105, Champion Two-Year-Old, Champion Two-Year-Old Colt, Champion Three-Year-Old Colt, 10 vitórias e U$1.642.498,00 em prêmios; WAVE CARVER, AAAT-104, World Champion, Champion Three-Year-Old, Champion Three-Year-Old Colt, 11 vitórias e U$1.005.946,00 em prêmios, TRISK, AAAT-102, U$254.233,00, (G1); AQUAFINA, AAA-99, U$188.336,00; SIR RUNAWAY DASH, AAA-97, U$120.706,00; LITTLE SURFER, AAAT-104, U$102.749,00. Além disso ela é filha do número 1 do mundo FIRST DOWN DASH.

YOUTUBE VERDE

YOUTUBE VERDE

Finalmente a potranca para a REPRODUÇÃO: GOLD SHIMNING JESS, filha do super SHAZOOM, que foi o melhor garanhão do mundo num destes anos passados, e já é produtor de ganhadores de mais de US$ 24 milhões e tem 69 filhos ganhadores clássicos. SHAZOOM AAAT 102, como avô materno, produziu 26 ganhadores clássicos! Importado. Por Takin On The Cash. AAAT-102. Ganhador Clássico com 9 vitórias, U$ 178.606,00 em prêmios.

Reservamos uma potranca SHAZOOM para nós, por isso vamos vender a GOLD. Aproveite.

GOLD SHIMNING JESS

GOLD SHIMNING JESS

As fotos você pode ver na seção de Animais a Venda do site do Haras.

Postado em: Artigos, 
Marcado com: , , , , , ,